sexta-feira, 18 de março de 2011

Empresa portuguesa transforma papel higiênico em objeto de desejo



Prezadas e Prezados,

Acompanhem essa reportagem e dêem sua opinião. Se puderem discutir sobre motivações, assunto da primeira parte do nosso bimestre, melhor ainda!

Essa proposta de reportagem foi do colega de vocês, Valdo Gonçalves. Quando será a sua vez?

27 comentários:

  1. rsrs. um ano depois de volta ao Blog! Abraços!

    ResponderExcluir
  2. DANIEL HOLANDA

    Gostei muito do vídeo e o que eu achei mais interessante foi final do vídeo onde os empresários de outros ramos comerciais pararam pra pensar em um diferencial que poderia ser implantado em seu negócio. De fato pequenas idéias podem gerar grandes negócios. Desta forma podemos constatar que a faca e o queijo podem desde já, estar em nossas mãos! As vezes o que precisa de mudar é só a forma de segurar a faca ou até mesmo a de cortar o queijo.

    Daniel Holanda
    PP NOITE - UNA

    ResponderExcluir
  3. VALDO GONÇALVES??? DÁ ONDE VOCê TIROU ESSE NOME PROFESSOR???

    VOCÊ QUIS DIZER "ROSIVELADO" MAS CONHECIDO COMO ROSI..... RSS...
    Grande garoto, abraço pra ele.
    Só para constar Cruzeiro líder absoluto!...

    Em relação a reportagem, a proposta de nossos amigos português é boa, entretanto alguns aspectos tem que se considerados. PAGAR 22 REAIS em um papel higiênico é um pouco de mais, não é não?
    Outro ponto a ser considerado, conforme fala da ginecologista do mater dai, esse tipo de papel "pode conter" ou "cotém" grande quantidade de química, que pode fazer mal a certo organismos femininos.

    Bom, chega de criticar né? a reportagem é interessante, demonstra a evolução de um item que é de nosso dia a dia, a ideia foi ótima em desenvolver uma nova forma de se fazer o papel higiênico.
    Quem é aberto a transformações e novidades, com certeza ira adorar esse novo papel.
    Vai ficar bonito as torcidas de futebol que levam este tipo de material para o campo, vai proporcionar uma imagem diferente.

    abraços

    Atenciosamente
    André Ferreira Santana
    6º período manhã

    ResponderExcluir
  4. Interessante a iniciativa, trata-se de um produto que por si só não tem nada de diferente da concorrência, todos são praticamente iguais, excluindo apenas aqueles que parecem que são feitos de papel reciclado.

    Esta é uma tendência bem feliz, já que o conceito de "colorir" os ambientes vem sendo bem aceito pela sociedade. Ainda mais tendo em vista, que o investimento por parte da empresa para este produto não foi alto e repercutiu de maneira espontânea.

    Gabriel Aires
    6º PP noite

    ResponderExcluir
  5. Muito bacana essa ideia de papel higiênico colorido. Essa é um tendência que eu acho que vai pegar em todo mundo, apesar do preço não ser muito acessível. É um produto necessário no nosso dia a dia , que muitas vezes vocÊ tinha vergonha de mostrar e agora faz questão de que os outros vejam e isso mostra a evolução que ele teve com esse novo conceito.

    ResponderExcluir
  6. Muito legal a idéia de transformar um simples produto de higiene em um objeto de desejo, de design e também um objeto de decoração. A empresa portuguesa Renova conseguiu transformar algo simples em algo que possua outras funções, o papel deixa de ser uma necessidade e se torna um desejo.
    Ao contrário do que muitos podem pensar, eu acho que mesmo o preço sendo elevado, a maioria dos consumidores estariam dispostos a pagar mais para ter mais. Além do mais, sendo um produto diferenciado e desejado, ele se torna mais fácil comercialmente vendido.
    Usar cores coloridas e chamativas foi uma sacada criativa que conseguiu encantar o consumidor e atingir os objetivos do cliente.

    Lisabell Figueiras Calhau
    6º PP Noite

    ResponderExcluir
  7. O melhor do video é perceber que pequenos negocios com o diferencial e a percepção necessarios podem gerar grandes negocios.
    miriam pp/noite

    ResponderExcluir
  8. Muito interessante a iniciativa da empresa. O que eles fizeram na verdade, foi pegar um produto que antes era consumido somente para atender a primeira necessidade da pirâmide de Maslow que é a fisiologica e resolveram utilizá-lo para atender uma necessidade de status.
    Isso pode ser feito com diversos produtos, basta um pouco de criatividade e ousadia. Já que a necessidade existe, cabe a nós criamos outras formas desta necessidade ser suprida.

    Adriana Lucas
    6º PP - Noite

    ResponderExcluir
  9. Pequenas ideias se transformando em grandes negócios. É importante pensar em pequenos diferencias para que os clientes se sintam motivados a consumir determinados produtos. É muito normal uma empresa se destacar em determinado seguimento e suas concorrentes copiando os diferencias de seus produtos ao invés de propôr novas motivações para a compra. O título do texto também demonstra o que é um importante destaque no momento da compra: o Desejo. O Papel higiênico é essencial. Um papel higiênico colorido não faz diferença alguma em sua utilização. Mas isso foi um diferencial que ninguém nunca pensou e por isso causou tanto impacto.

    ResponderExcluir
  10. Ao conseguir despertar o desejo do consumidor por um produto que antes se preocupava apenas em atender suas necessidades, a empresa Renova se destacou no mercado. Graças à tecnologia adotada em seus papéis higiênicos, agora o produto possui uma linha colorida e pode ser usado, inclusive, como objeto de decoração.
    O mais interessante disso tudo é que outras empresas, dos mais variados ramos, pretendem usar a atitude da Renova como exemplo e também estão se preocupando em agregar valores aos seus produtos.
    Atualmente, essa diferenciação dos produtos no mercado é fundamental para as empresas, pois estamos em um momento em que tudo que é produzido é muito parecido e ganha destaque quem tem algo a mais para oferecer e que surpreenda o cliente.

    Fernanda Fráguas Magalhães
    6º Período – PP Noite

    ResponderExcluir
  11. Este é só mais um exemplo de como o mercado tem se desdobrado e buscado novas formas de atrair o consumidor.
    Com tanta cocorrência e informação ligada aos produtos disponibilizados para o consumidor, tornando o mesmo mais exigente, fazer com que os produtos fiquem mais atraentes também é uma forma de vender mais.

    Bárbara Soares PP/N

    ResponderExcluir
  12. Segundo o vídeo, a representatividade financeira da venda dos papéis coloridos na empresa ainda não é grande. Contudo, essa inovação agregou valor a marca, além de fazer com que ela fosse vista por inúmeras pessoas (incuindo os que continuarão a comprar o papel tradicional). Não seria surpresa que as vendas do papel branco da empresa aumentassem.
    Ideias simples e bem planejadas como essa tendem a dar certo.
    Bruno Jacomini

    ResponderExcluir
  13. A idéia de se fazer um produto de necessidades básicas com um diferencial é excelente, pois acaba por atrair as pessoas pela tendência que temos de gostar de inovações, sejam voltadas a questão de aparência ou até função, o consumidor dessa maneira sempre quer mais atributos em seus produtos.

    Apesar de o preço ser meio elevado, acaba por se tornar um produto que desperta desejo de aquisição, eu por exemplo, se fizessem um papel higiênico de desenhos animados, eu consumiria na hora caso eu tivesse em um momento de maior estabilidade financeira.

    O fato é que estamos em um estágio de consumo onde queremos sempre inovações e grande parte dos consumidores são movidos por essa nova tendência.

    Camila Flores Dias - 6º Período - PP - Manhã

    ResponderExcluir
  14. Bruno Eduardo - 6 Período Manha5 de abril de 2011 12:03

    Como é mostrado essa inovaçao do produto que voce usa pra suas necessidades básicas ele tem um super diferencial que e excelente. O produto tende a ganhar mais espaço no mercado e consmumir bem mais onde chama a atençao dos produtos e de sempre querer consumir mais e mais.

    ResponderExcluir
  15. Genial! Transformar um item que por finalidade não exige muita manobra de criatividade para sua comunicação, afinal tende atender as necessidades mais básicas (fisiológicas) e ainda sim, pensar de forma inteligível de diferenciá-lo dentre outros. Se é um item comum e imprescindível ao consumo de todos, é muito interessante o que aos portugueses fizeram: desenvolveram métodos e criaram valor.Inovar é sempre um risco, mas refletir sobre tendências e nichos é o caminho para sobreviver na multidão..
    POR, Marcela Sales

    ResponderExcluir
  16. A idéia da empresa em inovar em um produto tão comum no dia a dia é fantástica. Nos leva a reflexão sobre as oportunidades de mercado, tendências e outras formas de se destacar dentre os concorrentes. Em um mundo cada vez mais competitivo, até os mais simples objetos (como nesse caso) precisarão de algo para se diferenciar.

    Lorena Moreira - 6º PP Noite

    ResponderExcluir
  17. Inovar sempre será ponto crucial para crescimento de um negócio empresarial. Por isso tantos empresários observam sua atual condição e buscam novos caminhos para inovação e crescimento de seus negócios, sendo que nos dias de hoje aquele que não se atualiza e se mostra diferente dos demais é engolido pela grande maré do esquecimento.

    A idéia é brilhante e diferente, o que a torna interessante para os visionários que buscam diferenciação dos demais em todos os sentidos. Atingir talvez um público mais conservador seria um trabalho árduo pois nem todos tem uma cabeça tão aberta a novas estruturas.

    Gustavo Lelis - PP/NOITE

    ResponderExcluir
  18. Esse realmente é um produto diferenciado. Interessante embora o custo seja alto, a empresa inovou e conseguiu transforma um produto simples em um objeto de desejo de decoração.
    Patrícia Brandão – P.P 6°/ Noite

    ResponderExcluir
  19. "Pequenas ideias se transformando em grandes negócios." André Ridolfi

    seguindo e concordando com a referência citada pelo colega Andre, a idéia é realmente criativa e inusitada, tornando um produto de uso comum em algo com um diferencial que desperta motivação para compra. Seja ela apenas por gosto, estilo ou "brincadeira", mas, nesse caso, creio que o intuito maior da empresa seja divulgar sua marca.

    Carlos Vinicius
    PP 6º / Noite

    ResponderExcluir
  20. Todos nós sabemos que, cada vez mais, as empresas devem buscar um diferencial para seu produto.

    Uma empresa que produz algo tradicional como um papel higiênico é muito feliz para divulgar seu produto, valendo-se de um diferencial como as cores e estilos para seus produtos.

    Luiz Cláudio Lessa
    6o PP NOite

    Uma iniciativa muito feliz, que mostra que todos nós, publicitários, devemos buscar a inovação para se destacar nesse mercado competitivo atual.

    ResponderExcluir
  21. A empresa teve uma idéia fantástica, mesmo o custo de seu produto possa ser um pouco elevado, acredito que seja uma grande tendência no mercado, pois o consumidor está cada vez mais exigente. E a maneira como transforma um produto singelo em um objeto sofisticado para a decoração faz com que seu produto agregue valor.

    ResponderExcluir
  22. Bem interessante , pois um produto banal onde ate o presente momento nao se via grandes inovacoes.O que trava ainda sao as questoes referente a quimica utilizada podendo causar rejeicao em alguns usuarios e o preçinho salgado.Por ser um produto onde o publico ainda tem um certo receio de comentar de inovacoes, e ate mesmo questionar o melhor produto a marca criou sua posicao com esta inovacao.

    Thiago Junio
    6º periodo - Noite

    ResponderExcluir
  23. achei uma ideia fantastica!!! acho que nao importa o qual seja o produto quando a agradavel aos olhos sera facilmente mais agradavel pra qualquer outra coisa. acho muito interessante mudar a visao das pessoas para um produto que passa despercebido pelas pessoas. ter um papel higienico colorido no banheiro de visitas agrega um valor a mais a casa e ao dono da casa. e moderno e descolado e bonitinho diferente e muito chamativo. em fim EU QUERO!

    renata delfim
    PP manha

    ResponderExcluir
  24. A idéia do papel higiênico colorido é instigante, atrativa, diferente e curiosa.
    Do ponto de vista do marketing achei muito interessante pois provoca de imediato no público o desejo do consumo, porque foge do tradicional ou seja, todo mundo usa papel higiênico de cor branca, natural.
    Agora vejo que o empecilho será levar esse produto ao consumidor dentro de um preço acessível , principalmente em países como o nosso, onde a renda per capita é baixa.


    CAROLINA VASCONCELOS DOS REIS
    PP MANHÃ - 6 º PERIODO

    ResponderExcluir
  25. Muito interessante a reportagem, principalmente a discussão que ela traz sobre algo que a meu ponto de vista é esquecida pela maioria das empresas, A INOVAÇÃO de produtos de consumo básico. Acredito que isso vai impulsionar várias empresas a criar novos estímulos de compra para as pessoas e com muita criatividade envolvida.
    A motivação de compra do homem não se limita a fisiologia, sendo assim, um produto de consumo constante e fisiológico como o papel higiênico criou um grande diferencial e estímulo, afinal o público alvo (classe A) desse novo produto que sempre busca algo diferente e um objeto de status, de admiração, conseguiu fazer de seu item mais básico um objeto de desejo.

    Abraço

    Izabella Machado
    6º período PP/Manhã

    ResponderExcluir
  26. eu entro aqi nessa porra pra vê se consigo um trabalho vcs vem me falar de merdaa,
    faz tsd sentido papl hiigienicooo, kkkk

    ResponderExcluir